top of page
  • Rofer Eventos

Tirol vai investir R$ 40 milhões para ampliar produção de leite e derivados no PR




A Lacticínios Tirol vai investir R$ 40 milhões para ampliar a capacidade produtiva da sua unidade industrial de Ipiranga, no Paraná. O investimento vai ampliar a capacidade de produção da fábrica de 600 mil para 800 mil litros de leite por dia. A unidade também será capacitada para fabricar creme de leite. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (06/12), durante reunião entre executivos da empresa e o governador Carlos Massa Ratinho Junior, no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Em entrevista à reportagem, o gerente de Marketing da Tirol, Rodnei Guariza, afirma que os novos investimentos garantirão à empresa um ganho de participação de mercado de 1 a 1,5 ponto percentual, tanto para leite quanto para creme de leite.

“É muito ganho de share em dois setores com penetração e consumo já massivo. Consideramos que são dois mercados com crescimento orgânico, por isso estamos falando de um ganho bastante expressivo”, reforça.

De acordo com Rodnei, o valor anunciado será investido em equipamentos para viabilizar a capacidade de ampliação, no caso do leite, e de produção do novo produto - o creme de leite. Não há ampliações físicas previstas.

A planta paranaense da Tirol foi inaugurada em 2021, fruto de um investimento de mais de R$ 150 milhões, com foco na produção de leite UHT longa vida integral, desnatado e semidesnatado. A unidade foi instalada no Estado com incentivos fiscais do programa Paraná Competitivo.

O gerente de Marketing não confirmou a origem do valor investido nessa nova fase, mas ressalta que a empresa tem por política fazer um balanceamento entre capital próprio e recursos oriundos de outras fontes.

Os produtos fabricados em Ipiranga devem atender, principalmente, os mercados paranaense e paulista. “Em uma primeira fase, a gente saiu de uma captação praticamente zero de leite aqui no Paraná para uma captação de mais de 300 mil litros de leite diários”, afirmou o diretor-executivo industrial da Tirol, Adalberto Rofner, durante o anúncio da segunda fase de investimentos. A captação deve ser ampliada para aproximadamente 500 mil litros por dia, toda ela originária da região.

Bacia leiteira

Ipiranga fica na região dos Campos Gerais, onde estão localizados os dois municípios paranaenses que são os maiores produtores de leite do país: Castro e Carambeí. Segundo dados do IBGE, Castro produziu 426,6 milhões de litros de leite em 2022, seguido por Carambeí, com 255,6 milhões de litros. O Paraná é o segundo maior produtor de leite do Brasil, atrás apenas de Minas Gerais.

“O novo investimento ajuda toda a produção de matéria-prima, reforça a produção leiteira do Paraná e gera renda para o produtor rural do Estado. Além disso, reforça a vocação paranaense na fabricação de alimentos e derivados, com alto valor agregado”, afirmou o governador.

Atualmente, a planta da Tirol em Ipiranga gera mais de 1 mil empregos diretos e indiretos, além de envolver outros 1 mil produtores rurais da região para o fornecimento de leite para a indústria. Rodnei confirma que esses números devem ser ampliados conforme o aumento da produção.

Unidades da Tirol

Além da planta paranaense, a Tirol possui outras quatro unidades em Santa Catarina, nos municípios de Treze Tílias, Pinhalzinho, Caçador e Chapecó. A empresa, que foi fundada em 1974, tem um mix de mais 150 produtos, distribuídos entre leites, achocolatados, iogurtes, bebidas lácteas, requeijões, manteigasqueijos, cremes de leite, doces de leite e leites condensados.

Segundo o gerente de Marketing, para 2024 há ampliações e lançamentos de novos produtos para o portfólio da marca envolvendo as unidades catarinenses da empresa.

As informações são do Globo Rural, adaptadas pela equipe MilkPoint.

bottom of page