Buscar
  • Fischer Comunicação

Silemg: carta aberta sobre a situação Coronavírus


Por José Antônio Bernardes, Presidente do Sindicato da Indústria de Laticínios do Estado de Minas Gerais — Silemg


Estamos vivendo um momento crucial na batalha contra um inimigo desconhecido - o coronavírus.


Pensando em estratégia para minimizar os efeitos da epidemia do covid-19, entendemos serem necessárias a manutenção das atividades essenciais, sobretudo, aquelas diretamente vinculadas à saúde de crianças, jovens e idosos.


É fundamental que cada um assuma com disposição o papel que a conjuntura impõe.


Fazemos coro com várias personalidades vinculadas à área da saúde — médicos, pesquisadores e cientistas que ensinam que atitudes simples devem ser adotadas, como o isolamento social e a higienização das mãos, sem que seja produzido pânico, sem corridas aos supermercados, sem admitir, em hipótese alguma, a negligência.


A prioridade absoluta é a manutenção das atividades básicas que assegurem tranquilidade e os menores danos possíveis à população.


Os países que superaram o vírus com maior competência, asseguraram o funcionamento pleno dos seus supermercados, hospitais, farmácias, a indústrias farmacêuticas e de produtos de higiene e limpeza, os laboratórios de análises clínicas e as indústrias de alimentos.


Não é possível vencer essa guerra sem estarmos habilitados nutricionalmente, bem alimentados e fortes.


A cadeia produtiva do leite, do produtor rural à indústria, assume seu protagonismo confirmando que manterá sua atividade de forma plena, assumindo seu compromisso de abastecimento do mercado com produtos essenciais ao bem estar da população.


Aos 216 mil produtores de leite de Minas Gerais registramos nosso respeito e reconhecimento por levantarem a cada manhã, faça chuva ou faça sol, de segunda a segunda para produzir o alimento que estará na mesa de mais de 90% dos brasileiros, todos os dias.


Reiteramos que o compromisso da indústria de laticínios de Minas é a manutenção da produção e o abastecimento do mercado com produtos de qualidade e nas quantidades necessárias, reafirmando seu respeito ao consumidor e suas necessidades nutricionais.


As informações são do Silemg.

0 visualização